Dianabol – o que é e para que serve

Home | Dicas SMB | Dianabol – o que é e para que serve
Dianabol – o que é e para que serve
Avalie este artigo

É importante compreender o que é e para que serve Dianabol. Suplemento muito popular entre os fisiculturistas, Dianabol foi um dos primeiros anabolizantes que surgiram nos EUA e se tornaram popular por sua eficácia comprovada. Dianabol também é conhecido como DBol.

O que é Dianabol?

Dianabol é um suplemento cujo princípio ativo é a metandrostenolona, uma substância anabolizante.

Na época de seu lançamento, o grande apelo do Dianabol é que os atletas podiam conseguir os mesmos efeitos de outras substâncias anabolizantes, porém por via oral.

Isso garantia mais segurança na ingestão do suplemento, pois até aquele momento, todas as substâncias semelhantes eram injetadas.

A figura máxima do fisiculturismo, Arnold Schwarzenegger, contribui para a popularização global do Dianabol ao utilizá-lo para seus objetivos de treinos.

Para que serve Dianabol?

Como toda substância anabolizante, Dianabol é responsável por um incrível ganho de massa e força muscular, entre outros benefícios. Portanto, podemos listar as vantagens de Dianabol como segue:

  • Aumento expressivo de força;
  • Possibilidade de realizar treinos com maior intensidade e cargas pesadas;
  • Contribui para a construção muscular, promovendo um aumento significativo de volume muscular (hipertrofia);
  • Maior retenção de nitrogênio, substância responsável pelo transporte de nutrientes e outras substâncias no organismo;
  • Diminuição dos níveis de cortisol (o hormônio do stress) contribuindo, assim, para a ação anti-catabólica.
  • Fornece maior energia e disposição para treinos mais longos e intensos.

Como tomar Dianabol – Ciclos e doses

Em primeiro lugar, é preciso salientar que Dianabol não é indicado para o uso de atletas femininas, pois há uma grande incidência de efeitos colaterais pela quantidade de hormônio masculino que há em sua composição.

Como toda substância anabolizante, o uso de DBol deve ser feito em ciclos.

Os dois ciclos são, geralmente, divididos em seis semanas. Entretanto, seus efeitos já podem ser percebidos logo nas primeiras doses.

O primeiro ciclo deve combinar o uso do Dianabol (ação rápida) com outros esteroides que promovem ação longa para que haja uma melhora significativa de desempenho e, consequentemente, ganhos rápidos e imediatos, além de um efeito prolongado.

O segundo ciclo requer doses mais baixas de DBol com a finalidade de manter os ganhos do primeiro ciclo.

Terapia Pós-Ciclo (TPC)

Dianabol é um dos suplementos anabolizantes que requerem a terapia pós-ciclo. Isso significa que, depois de ter terminado os ciclos, é necessário um tempo para que o organismo do indivíduo possa trabalhar sem a ação das substâncias anabolizantes.

A terapia pós-ciclo é feita por meio da utilização de outras substâncias que diminuem ou eliminam completamente a ação da metandrostenolona para que o organismo retome seu equilíbrio natural e, também, para que não haja a perda dos ganhos musculares obtidos nos ciclos.

O ideal é que antes de iniciar o uso do Dianabol e/ou da terapia pós-ciclo, o indivíduo interessado procure um especialista para que o uso desses suplementos possa ser feito com segurança e que o seu estado geral de saúde seja preservado.

 

x'