Tudo que você precisa saber sobre Vigorexia – O transtorno pelo corpo perfeito

Tudo que você precisa saber sobre Vigorexia – O transtorno pelo corpo perfeito

Tudo que você precisa saber sobre Vigorexia – O transtorno pelo corpo perfeito
5 (100%) 1 voto[s]

Vigorexia é o transtorno de ansiedade, e ele faz a pessoa ver o próprio corpo bem menor do que ele está, ou menor do que é. Este transtorno é conhecido também como o complexo de adônis ou TDM – transtorno dismórfico muscular.

Os sinais característicos deste distúrbio está no exagero e compulsão por exercícios físicos, abuso de anabolizantes e esteróides e no exagero dos suplementos, a fim de ganhar massa muscular.

O que é vigorexia

Ela é o contrário da anorexia. Anorexia é quando a pessoa se enxerga mais gorda do que é, e ela começa a procurar formas para emagrecer mais e mais.

A vigorexia faz a pessoa se enxergar mais fraca do que ela é, então ela começa a procurar suplementos, alimentos e exercícios que a ajudem a aumentar sua massa muscular cada vez mais.

Os dois transtornos se caracterizam pela insatisfação e exageros relacionados ao seu físico.

Porque usar o termo TDM

Este termo – transtorno dismórfico muscular – é científico para a vigorexia. Ele representa a condição do descontrole relacionado à percepção da nossa autoimagem.

O termo é utilizado para designar uma diferença no que a pessoa enxerga de sua imagem física e no que ela acredita para o que de fato ela seja.

De acordo com o presidente da fundação dos transtornos dismórficos do corpo ( BDD Foundation ) Rob Wilson, em uma entrevista realizada a BBC, ¨esta dismorfia é a preocupação que a pessoa tem de não ser grande suficiente, não ter músculos o suficiente.

Vigorexia é o transtorno da modernidade

Cientistas indicam que esta é a patologia emocional mais nova que é estimulada pela cultura. Ela surgiu em meio a uma sociedade competitiva que cresceu vendo que o culto à imagem era estimulado cada vez mais.

Este distúrbio é normalmente gerado a partir da influência da mídia e das influências socioculturais. Seu início é com a vaidade simples, mas conforme o tempo passa, dependendo das influências, isso termina vinculando aos transtornos mentais com riscos altos para a saúde.

Características da vigorexia

A vigorexia ainda não faz parte da lista de doenças pelo DSM ( manual estatístico e de diagnóstico de transtornos mentais ), mas alguns traços específicos deste transtorno já foram listados.

Nos homens, ela é mais comum, por causa da preocupação em excesso e contínua para obter a massa muscular.

Uma das suas características, é que pessoas que sofrem de vigorexia, tem muita vergonha do seu corpo.

Por isso elas buscam praticar exercícios em excesso e ingerir esteróides anabolizantes e proteínas, para conseguir acelerar a hipertrofia, aumentando assim a sua massa muscular.

Na maioria das vezes, as pessoas entendem os prejuízos e os riscos que causam a saúde, e elas sabem que lidam com substâncias até ilegais, mais isso acaba não sendo o suficiente para que parem este impulso de querer ¨melhorar ¨sua aparência.

Harrison G. Pope ( com artigos publicados pela Medicine Magazine, que estudou Medicina em  Harvard ) afirma que em média 1 milhão dos norte americanos, entre 9 milhões dos fãs do fisiculturismo sofrem com este distúrbio.

Como as pessoas desenvolvem vigorexia

A quantidade de pessoas que se preocupam com a aparência é bem grande, e para serem diagnosticados com TDM, como a Vigorexia, é necessário apresentar sintomas específicos, por exemplo obsessão por todo ou uma parte do corpo, sofrimento, e isso tem que impedir a pessoa de levar uma vida normal.

Em relação a vigorexia, a obsessão e o sofrimento estão ligados ao desenvolvimento muscular, como a procura de um corpo perfeito que a pessoa nunca conseguiu alcançar.

A anorexia é um transtorno dismórfico corporal também, e as duas doenças alteram a imagem que as pessoas têm de si próprias.

Anoréxicos não acham que estão suficientemente magros. Vigoréxicos acham que não possuem músculos o suficiente.

Vigoréxicos se enxergam muito distante do padrão idealizado por eles mesmos, da perfeição muscular. Por causa disso eles consegue se exercitar durante horas, a fim de aumentar o tamanho de seus músculos, ingerindo exageradamente muitas calorias e muitos hormônios, suplementos vitamínicos e proteínas.

O objetivo é conseguir aumentar a massa muscular no nível que eles achem ideal, e que a maioria das vezes já foi até excedido.

Possíveis causas de vigorexia

Existem muitos motivos para a pessoa desenvolver a vigorexia, entretanto, as causas são relacionadas a visão que a pessoa tem de si mesmo.

Pesquisadores acreditam que a vigorexia pode ser um distúrbio genético. Ou pode ser causado pelo desequilíbrio químico no cérebro.

Outros estudos indicam que as experiências da vida pode ser um dos fatores que desencadeie a vigorexia.

O estudo indica que este distúrbio pode ser ainda mais comum nas pessoas que foram abusadas enquanto jovens, foram maltratadas ou perseguidas.

Existem pessoas que buscam o corpo perfeito por causa da influência da mídia ou pela pressão de padrões culturais, e isso vai longe demais. E tem aquelas pessoas como os competidores e esportistas que desejam ser os melhores, e querem exigir dos seus corpos.

Pesquisas indicam que vigoréxicos normalmente são as pessoas mais introvertidas, onde a busca pela silhueta perfeita seja a compensação para ser tímido, o que muitas vezes compensa também o sentimento de ser inferior socialmente.

Essas pessoas têm baixa autoestima, rejeição à imagem do corpo e muita dificuldade de interagir socialmente.

Sintomas da vigorexia

O sintoma principal é caracterizado pela distorção da imagem corporal. Outros sintomas desta patologia se tornam decorrentes deste, como dietas, ingestão de medicamentos indiscriminada e a obsessão por exercícios.

Esta distorção é o sintoma principal dos comportamentos destrutivos que caracterizam este distúrbio. Por exemplo:

  • Distorção da imagem
  • Personalidade introvertida
  • Automedicação
  • Autoimagem distorcida
  • Preocupação em exagero com o próprio corpo
  • Insatisfação com a estrutura do músculo
  • Mesmo estando lesionado, praticar exercícios
  • Usar suplementos alimentares em excesso
  • Dietas rigorosas
  • Métodos extremos de treino
  • Praticar exercício e deixar de lado a vida pessoal
  • Abusar de cirurgias plásticas sem necessidade, de esteróides e tentativas de suicídio

A vigorexia se deriva de uma sociedade no qual a sua imagem é supervalorizada, e geralmente isso começa na adolescência, onde o período de insatisfação é muito maior com o corpo.

É muito importante conseguir identificar este distúrbio logo no início, para poder evitar consequências que possam prejudicar a saúde.

Tratamento para a vigorexia

  • Dieta de nutrientes equilibrada
  • Vitaminas que o corpo necessita
  • Supressão dos esteróides anabolizantes
  • Psicoterapia, para conseguir entender o comportamento da pessoa e a percepção distorcida da realidade
  • Usar medicamentos que controlem a ansiedade, comportamento compulsivo e que reduza a obsessão e o estresse causados ao praticar exercícios

Pessoas com vigorexia, precisam dos tratamentos terapêuticos envolvendo amigos e família, e a própria sociedade em geral, para pode dar apoio e ajudá-los a superar esta doença.

As vítimas desta doença, acreditam que estão saudáveis e num estado excelente. Mas aos poucos, amigos e familiares percebem o quanto elas são consumidas por causa dessa insatisfação com o próprio corpo.

Elas raramente aceitam a doença, pois da mesma forma que acontece com anoréxicos, eles não se vêem com problema algum, e não querem iniciar o tratamento.

Esta condição se dá a uma resposta a falta da autoestima e ao sentimento da depressão. Isso os impede de dar início ao tratamento. No caso, para essas pessoas, o transtorno foi a cura para esses sentimentos.

x'